Apresentação PELE

PELE – Projetos Especiais em Línguas Estrangeiras

Coordenação geral do Projeto: Profa. Dra. Rita de Cássia Miranda Diogo

Justificativa:

As demandas constantes e crescentes de profissionais das mais diversas áreas de atuação chegam, diariamente, ao Instituto de Letras da UERJ / campus Maracanã. São, por vezes, pessoas físicas, outras vezes, jurídicas. O interesse pelo Instituto de Letras das comunidades externa e interna em busca de apoio à instrumentalização em línguas varia também em relação às finalidades das atividades profissionais de cada uma dessas instituições públicas ou particulares. O interesse de empresas, indústrias, hospitais, escolas é prioritariamente na área de Línguas Estrangeiras, mas se estende a outras áreas de formação em Letras (Língua Portuguesa, Latim, etc). Tais instituições sentem, em suas formações específicas, a necessidade das línguas instrumentais, à medida que participam de leilões, pregões para compra de equipamentos e materiais destinados à execução de seus trabalhos. Precisam ler contratos escritos em línguas estrangeiras para estabelecer diálogo profissional com empresas sediadas em outros países. A procura nesse sentido não é só da comunidade externa à UERJ, mas a própria Universidade já se deparou com tal necessidade. A prefeitura dos campi, no setor de compras internacionais, demonstrou a importância da capacitação de seus profissionais para atuarem de forma mais segura em suas atividades.

Objetivos:

Eixo 1

• Contribuir para o aperfeiçoamento da formação do profissional em sua área de trabalho; 

• Instrumentalizar o profissional para atuar de forma mais segura em suas ações técnicas; 

• Atender demandas da comunidade que já atua no mercado de trabalho com suas especificidades; 

• Atualizar os profissionais de áreas específicas que necessitem do domínio de línguas para exercer atividades diversas dentro e fora das instituições onde atuam. 

Eixo 2 

• Proporcionar a futuros professores de língua estrangeira um espaço de prática do ensino de língua estrangeira para fins específicos. 

Público-alvo: 

• Professores de cursos de pós-graduação que participem em congressos e/ou conferências no exterior; professores que exerçam atividades de convênios com instituições estrangeiras; 

• Profissionais das mais diversas áreas (biomédica, tecnológica, ciências sociais e humanidades); 

• Profissionais que atuem diretamente na comunicação entre empresas públicas e/ou privadas nacionais e estrangeiras com sedes no Brasil; 

• Funcionários públicos que tenham suas atividades profissionais ligadas a contatos com estrangeiros (através de compras, contratos, recepções); 

• Funcionários públicos que, atuando em cargos comissionados, estabeleçam relações profissionais com delegações de instituições estrangeiras. 

Número de alunos atendidos (em média): 

• (aproximadamente) 60 alunos, sendo estes provenientes da comunidade interna e da comunidade externa.

Membros da comunidade interna:

• Alunos dos cursos de pós-graduação do ILE (que atuam como professores responsáveis pelas aulas ministradas);

• Professores dos cursos de pós-graduação da UERJ (alunos dos cursos vinculados ao PELE).

Membros da comunidade externa:

• Professores de cursos de pós-graduação de outras Universidades (com convênios com a UERJ).